Conecte-se conosco

Famosos

Patrícia Abravanel se envolve em polêmica após comentar vídeo de pastor e internautas apontam seu desprezo com a comunidade LGBTQIA+

Publicado

em

Após Caio Castro e Rafa Kalimann se envolverem em polêmica por compartilharem um vídeo onde um pastor dava sua opinião sobre relacionamentos LGBTQIA+, foi a vez de Patrícia Abravanel se jogar de cabeça na polêmica, depois de dar sua opinião sobre o vídeo a fala da apresentadora repercutiu e causou revolta pela Internet.

No vídeo compartilhado por Rafa e Caio o pastor Cláudio Duarte se posiciona sobre relação amorosa entre pessoas do mesmo sexo, o pastor diz “não sou a favor, por mais eu respeito, tenho as minhas convicções”, após a repercussão do vídeo Rafa Kalimann excluiu a postagem e se retratou no Twitter. O pastor Cláudio Duarte ficou muito famoso por fazer pregações com um tom bem humorado, pode se dizer o pastor faz um stand up voltado para o público evangélico, nas redes sociais Cláudio conta com milhares de seguidores.

Hoje, Patrícia Abravanel, comentou o assunto no seu programa, vem cá, e disse que estava tudo bem em ter opiniões diferentes, a apresentadora questionou qual seria o problema de “concordar em discordar” e seguiu com a justificativa de que algumas pessoas tiveram uma educação mais conservadora, a fala da apresentadora ficou ainda pior quando ela pronunciou a sigla LGBTQIA+ errada, e afirmou que se a comunidade LGBTQIA+ pede respeito também deveriam ser mais compreensíveis com quem ainda não entendeu e concluiu dizendo que é difícil educar os filhos e falar com eles desse assunto.

Pelo Twitter as pessoas opinaram sobre a fala de Patrícia e o motivo de ser tão problemática, o que mais se comentava era que ninguém precisava da discordância ou concordância de alguém porque quando o assunto é casais heterossexuais não existe essa discussão. Vale lembrar que estamos no mês da visibilidade LGBTQIA+ o que deixa tudo ainda pior.

No Twitter também está circulando vídeos da rainha da TV brasileira, Hebe Camargo, em 1987, onde ela falava sobre respeitar a comunidade LGBT, na época o termo usado ainda era o “homossexualismo” e a comparação feita foi que se Hebe nos anos 80 já entendia sobre respeito e diversidade por que em pleno 2021 Patrícia ainda não consegue entender?

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *