Homem atira em cachorro de rua em Cabo Frio; video

Cachorro de rua é alvejado com tiros em Cabo Frio

Moradores relataram que homem que atirou no cachorro de rua já havia atentado contra o cachorro antes.

Na virada do ano, por volta das 23h na Região dos Lagos do Rio, em Cabo Frio ocorreu um crime que revoltou os moradores. Um homem atira em cachorro de rua. Só que infelizmente não resistiu aos ferimentos.

O animal conhecido dos moradores do bairro Portinho, deixou os morados do bairro chocados. Eles cuidavam do cão há bastante tempo.

Cachorro de rua é alvejado por tiros em Cabo Frio.
Foto do cachorro que foi vítima do ataque. Câmeras de segurança flagraram o homem passando pela rua.

Algumas pessoas do bairro disseram à polícia que o homem que atirou no cachorro de rua fez dois disparos. Porque, de acordo com os vizinhos, o homem se incomodava com os latidos do cachorro.

Além disso, testemunhas também relataram que o mesmo homem já havia tentado matar o animal antes em outro momento.

Até o momento o atirador não localizado e preso.

Câmeras de segurança flagraram o homem que atira no cachorro de rua passando pela rua no momento em que ocorreu o crime.

A polícia vai verificar se o criminoso tem porte de arma de fogo, visto que se praticou o crime com uma.

A pena para quem realizar maus-tratos, ferir, praticar abuso, mutilar animais silvestres, domésticos ou que foram domesticados é de três meses a um ano de detenção e multa.

E em caso de óbito a condenação pode ser de até cinco anos.

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sancionou lei para aumento de pena em crimes de maus-tratos contra cães ou gatos.

Senado aprovou aumento para pena em caso de fatalidades em uma votação simbólica em setembro desse ano.

Deputado Fred Costa (Patriotas-MG) foi autor da proposta, com o intuito de tentar inibir esses crimes.

Foi feita alteração na Lei de Crimes Ambientais. Além disso, policiais vão atender ocorrências mais rapidamente. Esses crimes agora são de maior potencial ofensivo.