Conecte-se conosco

Curiosidades

‘Entreguei carro, cartão de crédito. Não foi o suficiente’: pai de Henry detalha casamento de 10 anos com Monique

Publicado

em

Rio de Janeiro – “A ganância é muito clara para mim”, contou o pai de Henry Borel, Leonel Borel, durante entrevista ao Jornal Extra.

O comportamento da ex-mulher, Monique Medeiros, ao proteger o atual marido, o médico e vereador Jairo Souza Santos Júnior, Dr. Jairinho (sem partido), um mês depois da m0rte do filho.

Os dois alegam acidente doméstico.

ENTREVISTA COM O PAI DE HENRY

Em meio a comoção pela m0rte de Henry Borel, de 4 anos, o pai do menino conversou com o Extra e abriu o jogo sobre o casamento de 10 anos que viveu com Monique Medeiros, mãe do menino.

Leniel Borel contou como começou a relação e também porque o relacionamento chegou ao fim.

Segundo Leniel, ele e Monique se conheceram em 2011 durante um curso. Pouco tempo depois, os dois começaram um relacionamento, passaram a morar juntos e logo em seguida se casaram. Em 2016 nasceu Henry Borel.

O pai de Henry também relatou como o casamento chegou ao fim e disse que, entre inúmeros fatores, a distância por conta de trabalho teria atrapalhado o relacionamento.

Leniel também destacou um lado de Monique que o chamava a atenção. “Monique não gosta de ficar em casa. Sempre foi muito consumista, gastava muito”, contou o pai de Henry.

“Eu dei carro, dei cartão de crédito. Não foi o suficiente”, desabafou Leniel Borel, reconhecendo que pode ter errado em tentar dar tudo para a ex-mulher e não ter colocado um freio no consumismo de Monique.

Leniel ainda falou um pouco sobre a personalidade de Monique e contou que a ex-mulher sempre foi muito gananciosa, fato que a teria levado a defender Jairinho mesmo diante da m0rte do próprio filho.

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *