Conecte-se conosco

Curiosidades

A menina escreve uma carta emocionada para pedir um emprego ao pai: “Estou chorando escondida porque não posso evitar”

Publicado

em

Ei pessoal.

Receba todas as novidades e muito mais em primeira mão! Se você gostou da notícia, não se esqueça de compartilhar com seus amigos.

Os laços que unem pai e filho foram construídos desde o nascimento do filho, com proteção, confiança e muito bienquerencia, e se estendem por toda a vida.

Esta união é de ilustre importância para ambas as partes, pois proporciona muito aprendizado e cria um relacionamento amigável entre as duas partes.

Ela escreveu uma carta chocante na semana passada para uma menina de escasamente 13 anos, identificada como Rosana dos Santos, pedindo a seu pai uma oportunidade de trabalho.

Então, o texto de Rosana se tornou vírico nas redes sociais esta semana e foi até distribuído em prédios residenciais. Olá, meu nome é Rosana, tenho 13 anos e estou escrevendo para contar um pouco sobre o que estou passando.

Porque estou muito triste e às vezes choro me escondendo por não poder ajudar meu pai. Além disso, meu pai já apresentou diversos currículos pela cidade.

Ele já entregou toda a documentação da Valía Ambiental (empresa de limpeza do DF), porém não é chamado. ”Ele diz em uma seção.

Por fim, a menina relata que seu pai, José Ribamar Santos, 63 anos, tem experiência como trator, sentinela, auxiliar de jardinagem.

Afinal, esta carta entra no seu coração. Precisamos muito disso ”, diz ela.

Além da adolescência e do pai, moram na casa três outras filhas de 6, 8 e 15 anos, além da mãe das meninas, Regina (59), esposa de José Ribamar, também desempregado.

Rosana diz que sua mãe faz a limpeza diária quando ela recebe. Então, sem meu pai receber, não pagamos as contas e também ficamos sem comida ”, lamenta a jovem.

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *